Não deixem de assistir :Trigun

Por que assistir Trigun?

Com um ótimo character design , ótimo enredo e uma ótima dublagem, Trigun tem como ideia central mostrar o que simples boatos podem desencadear, misturando muito  humor e muitos tiros. Com estética caótica e futurista e personagens inesquecíveis, Trigun é um anime que não se deve deixar de assistir.

O básico da história

Em um outro planeta, com paisagem desértica , há um pacificador ao extremo, que não aceita a ideia de matar ser algum. Apesar disso, há uma recompensa de 60 bilhões de dólares duplos por sua cabeça, pois esse pacificador também é um pistoleiro, e o acusam de ter devastado uma cidade por completo ser um frio assassino. Loiro, alto, cabelos arrepiados, sobretudo vermelho, pistolas e muitos boatos : este é Vash The Stamped.

Os locais por onde passa são sempre devastados, em maioria por pessoas que estão a procura de Vash para conseguirem a recompensa. Com isso, Millie Thompson e Meryl Strife, duas funcioárias da agência de seguros Bernardelli, passam a acompanhar Vash para assim capturá-lo, evitando prejuízos à agência, que tem de arcar com os custos da destruição que Vash causa. As garotas se assustam ao conhecê-lo pessoalmente, não acreditando que aquele rapaz atrapalhado e bondoso carrega a fama de ser um assassino frio e calculista.Todas as histórias que rondam Vash não passam de boatos. Além de Milly e Meryl, Vash encontra com o padre Nicholas Wolfwood que, após ser salvo por Vash, torna-se um grande aliado e amigo.

Com isso, as garotas e o padre passam a acompanhar Vash pelas escaldantes areias do deserto em busca de um homem chamado Knives, irmão de Vash.

Dados importantes:

Trigun é um anime baseado no mangá homônimo de Yoshihiro Nigtow. Com o sucesso obtido, o anime foi produzido, com 26 episódios e exibido originalmente em 1998, no Japão. No Brasil , foi exibido pelo Cartoon Network em 2006 e pela Play Tv no bloco Otacrazy,  em 2007 e 2008. Com uma boa dublagem, o que chama a atenção na versão brasileira é o apelido de Vash: o original é The Stamped, algo como O Estampido, O Barulhento, referindo-se ao barulho dos tiros de sua arma. Já na versão brasileira, foi adaptado para O Estouro da Boiada que, por mais estranho que pareça, faz sentido com a confusão que o rapaz arruma por onde passa.

Abaixo, o vídeo da primeira (e única) abertura de Trigun.

Anúncios

Publicado em 16 de janeiro de 2011, em Animes. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Trigun é ótimo, foi o segundo anime que mais revi, só perdendo para Saint Seiya, que ocupa a posição de anime preferido meu, seguido pelo próprio Trigun.

    O que mais impressiona em Trigun é a filosofia que ele trás, principalmente no Mangá (o que pode até torná-lo cansativo de ler, por ser extenso e por jogar muita filosofia).

  2. LEO, finalmente você atendeu as preces dessa pessoa aqui
    *-*
    ficou muito bom o texto e o anime/mangá é otimo, recomendo <3
    Você só esqueceu de falar do filme que foi lançado recentemente, o Badlands Rumble, mas ainda assim tá ótimo <33

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: