Mitologia e Mangás: parte 1 – Mitologia Nórdica

Olá amiguinhos <3

Hoje nós começaremos um especial sobre as diferentes mitologias e as suas influências na produção de mangás, animes ou jogos e a primeira, obviamente, será a Mitologia Nórdica (porque nórdicos são amor)!

Essa mitologia, vinda de países como Dinamarca, Suécia, Islândia e Noruega, tem várias de suas histórias reunidas em “Edas”, escritas pelos povos antigos que habitavam estes países. Nela existem inúmeros deuses, que assim como na mitologia grega e em tantas outras, tem funções específicas, como deus do inverno, deusa do amor e etc. Dentre os deuses, alguns dos principais são Odin (deus dos deuses), Thor (deus do trovão), Freya (deusa do amor), Loki (deus da trapaça e eterno vício da Kinder), entre outros.

A Mitologia Nórdica, além de influenciar escritores como J.R.R. Tolkien em sua fuckingperfeita épica obra “O Senhor dos Anéis” e muitos outros escritores, serviu de inspiração para o músico alemão Richard Wagner compor o conjunto de óperas que fazem parte da obra “Der Ring des Nibelungen” (O Anel dos Nibelungos).

Não só a Marvel tem uma obra baseada na mitoliga nórdica (Thor, aliás. Recomendo assistir o filme 328732873268 vezes, porque é muito bom <3) mas também alguns mangakás possuem trabalhos que são baseados nessa mitologia ou então fazem alguma referência à personagens ou lugares, que vocês verão abaixo:

Mythical Sleuth Loki (Matantei Loki Ragnarok):


Banido de Asgard (terra dos deuses), o deus Loki é mandado para o mundo dos humanos e tranformado em um menino de 10 anos. Para que ele possa retornar, ele precisa capturar espíritos malígnos e, por isso, funda uma agência de detetives especializada em eventos paranormais, a Enjaku. Com isso, ele atrai Mayura Daidoji, uma adolescente fanática por eventos sobrenaturais. Alguns outros deuses aparecem na história, como Freya, Heimdall (vigia da ponte que leva o mundo dos humanos a Asgard), Hel (deusa dos mortos), entre outros.

O mangá foi criado por Sakura Kinoshita e o anime ficou por conta do Studio Deen e tem 26 episódios. No Brasil, foi exibido pelo Animax.

Ragnarok


Ragnarok narra a história do guerreiro Chaos, que não se lembra de nada que aconteceu em sua vida nos últimos dois anos. É, desculpem pela falta de sinopse, a internet não ajuda. Alguns dos deuses que aparecem são Loki, Fenris (que não é bem um deus, mas enfim), entre outros.

(A propósito, “Ragnarok” é o nome dado na mitologia nórdica para uma séries de eventos que antecedem a grande batalha dos deuses, matando vários deles – como Odin, Thor e Loki – e trazendo os deuses renascidos para governar o novo mundo).


Ah! My Godess (Ah! Megami-Sama)


O mangá de Kosuke Fujishima conta a história de Morisato Keiichi, um rapaz solitário que um dia, ao ligar acidentalmente para a linha de ajuda das deusas, recebe Belldandy em sua casa. A deusa diz que ele tem direito a um pedido  ele então, diz que queria alguém como Belldandy para ele. A partir desse momento, ambos estão ligados pela “força suprema” que não pode ser quebrada.

Apesar de não ter um enredo centrado na mitologia nórdica, os nomes das três princiais deusas são os mesmos das três nornas, as “fiandeiras do destino”: Belldandy (que é uma adaptação do original Verdande), a deusa do presente; Urd, a deusa do passado e Skuld, a deusa do futuro.

O mangá possui várias adaptações para anime, uma série de OVAs e um filme.

Cavaleiros do Zodíaco

Apesar de Cavaleiros de Zodíaco ser baseado na mitologia grega, a Saga de Asgard, como o prórpio nome sugere, é baseada na mitologia escandinava.

Hilda, a representante do deus Odin na Terra, é possuída pelo poder do anel de Nibelungo, e assim decide invadir o santuário de Atena. Ela lidera os chamados “Guerreiros-Deuses”, que receberam de Odin a honra de guardar cada uma das 7 safíras, equivalentes as estrelas da constelação da Ursa Maior. Os Guerreiros-Deuses são: Thor de Phecda, Fenrir de Alioth, Hagen de Merak, Mime de Benetnasch, Alberich de Megrez, Shido de Mizar, Bado de Alcor e Siegfried  de Dubhe.

Além dos nomes, suas armaduras também fazem referência à mitologia nórdica.

Além destas, existem ainda mais algumas obras que fazem alguma referência a termos da mitologia nórdica, como Berserk (que eram os guerreiros nórdicos que juraram sua fidelidade a Odin e entravam em um estado de fúria assassina antes das batalhas, fato que ocorre de modo parecido no mangá), entre outros.

E então, gostaram? (Porque mitologia nórdica só não é melhor que chocolate)
Nós ainda falaremos de mais mitologias, então fiquem ligados <3

Anúncios

Publicado em 16 de maio de 2011, em Matérias & Discussões e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Erick Pierre Carnavali

    Muito boa matéria.
    Parabens *-*

  2. Normalmente se fazia desenhos assim pra mostrar como é a ideia de todos os tipos de mitologia. @_@
    até mesmo em constelação.whatever. ._.’

  3. Já assisti tanto CDZ, que decorei a parte da abertura ” Sete poderosos guerreiros usando as lendárias armaduras dos deuses, uniram-se com Hilda, que é a representante na terra, de Odin, Deus de Asgard, no extremo norte da Europa. Eles juraram destruir o santuária, e assim a cortina de outra batalha mortal é aberta ” *-* -qq
    Enfim, mitologia nórdica é uma das mais fodas que tem, só não ganha da Grega. fuckyeah q Coments para Kinderzitchia. q

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: